PubliPost

No LIDL há tudo mais e mais alguma coisa

No Lidl há tudo

Quem me conhece já ouviu esta história, mas repito. Há seis anos quando corri o país com o workshop de papas de aveia levava comigo imensos produtos do Lidl que ia, de propósito comprar, a lugares que nem sequer me davam jeito nenhum. E dizia sempre: atenção que não sou embaixadora mas no Lidl há tudo: A aveia, grossa e fina, os ovos biológicos, o doce, o iogurte grego…

Hoje sou embaixadora do Lidl mas é a marca que me custa mais fazer publicidade. Porquê? Porque não é publicidade. É lá que faço todas as minhas compras.

É lá que vou tratar da mercearias, dos produtos frescos, da fruta, dos legumes e das gulodices. É lá que vou buscar o pão que mais gosto para as torradas ou aquele que prefiro fresco. E o bolo rei (enquanto houver).

No Lidl há tudo e mais alguma coisa e, quase, sempre, antes e ir para as aulas e voltar a casa só lá para as 23h, vou buscar um wrap, framboesa e o meu chocolate com avelãs inteiras quando a coisa está mais difícil.

Cumprimento a senhora da caixa que já sabe que vou às 9h30 com o Pedro só para ver as novidades, ao fim da tarde sozinha, e às vezes, ao fim de semana com a minha mãe.

No Lidl há tudo. E mais alguma coisa é isso: memórias, coisas boas e rotinas.

Comentários (2)

  • Gulodices, que vem de guloseima.

    Responder
  • Olá Catarina,
    Eu também adoro o Lidl, sempre achei que tinha produtos diferentes, saborosos muito antes das pessoas acharem que era um supermercado barato para gente “barata” que não tinha marcas conhecidas.Nunca liguei muito a esses tipo de estereótipos e pessoas. Ser diferente é ser igual a si própria é criar a sua própria identidade . Estou sempre a dizer isso as minhas filhas. Obrigada. Gosto muito do seu Blog e sigo-a. Felicidades para toda a sua família.
    Bjos desta sua fã.

    Responder

Escrever um comentário