Relações

para ti. sobre ti.

sobre ti para ti

é muito fácil escrever para ti e sobre ti. dizem que não devemos expor o que sentimos, dizem que as coisas boas têm que ficar guardadas porque dá azar e depois há invejas. dizem que as pessoas mesmo felizes não precisam de gritar ao mundo que o são. que se lixe aquilo que dizem. apetece-me escrever sobre ti e para ti. quero dizer-te que estou apaixonada, que sinto o coração aos pulos quando olho para ti à noite e penso – sempre meio incrédula – “é meu”. quero dizer-te que estou apaixonada e nada me sabe bem como os teus beijos e o teu cheiro. quero agradecer-te pela forma como cuidas de nós. pelo cuidado com que preparas o pequeno-almoço do A. e o levas à escola de “tuc tuc”, por fazeres a minha sopa e a massa que os miúdos gostam para o jantar. quero agradecer-te por aquele sábado – eu e a nossa miúda no hospital – e tu fizeste panquecas para os rapazes, as minhas panquecas, na doce tentativa de não estranharem a minha ausência.

é muito fácil escrever sobre ti. é muito fácil escrever sobre nós. a nossa vida juntos é muito fácil. mesmo com a tua surdez e o meu mau humor. mesmo com o teu sono pela manhã e o meu sono à noite. mesmo quando a Maria Luiza chora muito alto, exatamente quando o A. pede que brinquem com ele, e o G. está a estudar. mesmo no caos, mesmo nos defeitos, é fácil.

não quero saber do que dizem. isto é o meu diário. e eu quero escrever sobre ti. quero escrever para ti. e até quero – um dia, muito velhinha, casar de noiva contigo.

 

foto: Pau Storch

Comentários (22)

  • Maravilhoso. Tudo o que sinto.

    Responder
  • […] post para ti. sobre ti. appeared first on dias de uma […]

    Responder
  • E que assim seja!
    Grita ao mundo! Grita ao teu mundo! Sê feliz! E continua a contagiar-nos com essa tua alegria, mau feitio, dias bons e maus! Todos somos assim, e às vezes só precisamos de um bocadinho mais de inspiração, e tu, Catarina, tens sido essa inspiração! Aquele empurrãozinho que no fim do dia, no caos das birras de fim de dia e da barriga e sonolência (minha, diga-se) crescente, é preciso para respirar fundo e continuar…
    Grita ao mundo! Nós sabemos que é possível, mesmo cansadas… E se gritarmos mais, talvez mais sejam inspirados a fazê-lo e inspirar outros tantos…
    Obrigada pela inspiração!

    Responder
  • É mesmo isso que importa nesta vida, o estar bem, sentir-se bem e saber explicar se grandes complicações. Para todos podermos sermos melhores. Obrigada Catarina, e sempre , sempre tudo de bom.

    Responder
  • Confesso que nunca me senti à vontade para escrever assim, sobre mim e os meus sentimentos, num blogue. Não por achar que não se deve fazê-lo mas pelo hábito de guardar algumas coisas só para mim.
    Mas este teu texto quase que me fez chorar. Fiz um esforço para não chorar porque a minha filha de 2 anos está quase a chegar com o pai e não me apetecia ter que lhes explicar porque estava a fungar ao computador. 😉
    Muito obrigado por partilhares estes textos. São lindos! A relação do teu marido com os teus filhos (os três) é do melhor que existe no mundo. A vossa relação é inspiradora. 🙂 Beijinhos e muita felicidade!
    http://www.vinilepurpurina.com

    Responder
  • É isto mesmo, o que sinto pelo meu marido. É a melhor das amizades. Os olhares cruzados que só nós sabemos o significado. E muito mais, que só nós é que sabemos e o resto do mundo também sabe. Força Catarina vamos mostrar ao mundo que ainda é possivel acreditar no amor! ❤

    Responder
  • Minha querida Catarina, o Português tem muito o hábito, quando perguntam como está: É sempre “vai indo”, sempre com esse tal “medo” das invejas e afins. Parabéns, parabéns pela linda família que são, e por não ter “medo” de “respirar” AMOR, e partilhar. Um abraço com imenso carinho extensível à família.

    P.S. Continue sempre assim genuína, o que os outros dizem, só a eles dizem respeito, como sempre ouvi a minha avó dizer:”Os cães ladram e a caravana passa.” 😉

    Isabel

    Responder
  • <3 tão feliz! Tão bom! Para sempre!
    Inspiração!
    Beijo grande

    Responder
  • Com um amor assim é isso mesmo!! Não tenhas problemas em o demonstrar!

    E claro que é para casar de noiva, véu e grinalda! Tudo o que uma princesa tem direito ?

    Responder
  • Texto maravilhoso. que a felicidade continue:)
    Visitem: http://actwice.com/

    Responder
  • Fazes bem, quanto mais falares sobre o amor, mais amor vais atrair e felicidade. beijinhos
    Cá esperamos para te ver de vestido de noiva 🙂

    Responder
  • so fazes bem em mostrar ao mundo. pode ser q mais te sigam o exemplo.
    eu cansada da maneira de ser do mundo q me rodeava decidi partir, e foi tao bom, é tao bom.

    os filhos sao o o nosso maior tesouro e maior projecto, um projecto q nunca acaba, ok bem dps de talvez 20 anos de trabalho exaustivo podemos observar de longe e descansar um pouco 😉 e qd os filhos sao um projecto a dois… é sem duvida a melhor coisa do mundo!! 🙂

    gostava de ver mais “catarinas” a escrever assim, sem medos, a falar de pais como o q tens ai em casa. tb gostava de ver mais pais como o q tens ai, sem medo de abracar esse projecto incrivel q é formar uma familia.

    beijos para todos

    Responder
  • … também sou viciada no cheiro e nos abraços do meu marido e pai do meu filho. Há 2 dias e 2 noites que não partilhamos a mesma cama e os beijos e abraços porque ele está com gripe e não me quer contagiar nem ao nosso filho que só tem 1 mês e meio. Já tenho saudades e apesar do cansaço é muito difícil adormecer sem ele.
    É nestes momentos que ainda se dá mais valor ao Amor e à partilha de afectos… Porque apesar do desafio que é aprender a ser pai e mãe, ao fim do dia quando nos deitamos na mesma cama, voltamos a ser 1 só e tudo faz sentido.
    Um grande viva aos homens das nossas vidas!
    Eles têm mais é que saber o quanto os amamos!

    Responder
  • Catarina, lindo texto!

    É bom ver o encanto nas suas palavras! Merece ser feliz 🙂

    Obrigada pela partilha

    Responder
  • Confesso que ao ler este texto me emocionei com a tamanha simplicidade de palavras, mas ao mesmo tempo tão sentidas e tão reais.
    É bom ver o vosso amor, a vossa perfeição na imperfeição da vida. Simplesmente é magnifico.
    Gostava um dia de ter uma família assim, uma vida assim, uma história de amor linda como a sua.
    Não é uma história como a dos livros, é uma história da realidade, mas uma história única.
    Simplesmente adoro.
    Espero que sejam sempre assim, uma família feliz, um casal ainda mais apaixonado. Que envelheçam juntos e que continuem a caminhar na direção da vossa felicidade, a felicidade da vossa família.
    Enormes beijinhos e abraços ara todos vocês. 😉

    Responder
  • Quando vejo um amor assim, tenho a certeza que eu tenho tão pouco…!
    Sou claramente a parte que mais ama na minha relação. Tudo o que peço na vida é saúde para os meus e alguém que ame assim.
    Gosto sempre de ler as tuas demonstrações de amor. Desejo que o vosso amor nunca acabe.
    Beijinhos.

    Responder
  • As fotografias da ML com o Pai fazem-me lembrar estas ilustrações: https://www.instagram.com/vskafandre/

    🙂

    Responder
  • Sempre que leio sobre o vosso amor, percebo que a magia existe. … Que vou voltar a encontrar

    Responder
  • Que texto tão bonito! Cheio de boa energia! Lindo! E viva o Amor! É tão bom quando nos sentimos assim! Adoro! Beijinhos.

    Responder
  • Sem dúvida devemos dizer o que sentimos e sem qualquer receio, a felicidade é dar sentido ao que amamos… sem qualquer constrangimento. Parabéns pela partilha ” princesa”

    Responder
  • […] que jurei mil vezes que não queria voltar apaixonar-me – nunca mais, porque doía demasiado, tu vieste mostrar-me que posso morrer de amor e ser a mulher mais feliz do mundo. ao mesmo […]

    Responder

Escrever um comentário