Maternidade

Como tornar a manhã com miúdos menos infernal com 5 dicas

manhã com miúdos

As manhãs infernais são exatamente como os finais de tarde de caos, só que com a agravante de que há horários para cumprir. Os miúdos têm de estar na escola a horas certas e a maioria dos adultos tem horários de trabalho para não falhar. Eu sei que falar é mais fácil do que fazer (é sempre um trabalho em processo, eu sei), mas quanto mais pensarmos nisto mais a ideia se encaixa. Por isso, vamos a isso. Há três princípios básicos para tornar tudo mais ágil, rápido (e silencioso) na gestão do inicio de mais um dia. Muito resumidamente: antecipação, organização e criação de rotinas. Como? Ficam aqui as cinco dicas do Understood para tornar a manhã com miúdos mais calma. Podem inspirar-se para a próxima semana. E respirar fundo que nesta já não há nada a fazer 🙂

 

Começar no dia anterior
Perdoem o lugar comum, mas há ditados antigos que nunca falham. É isto mesmo: não deixes para amanhã o que podes fazer hoje. Estabeleçam uma rotina com os miúdos para deixar algumas coisas preparadas. São coisas simples: encoragem-nos a escolher a roupa do dia seguinte (façam o mesmo), a deixar as mochilas prontas (façam o mesmo, se for o caso) e aproveitem a véspera para dormir de banho tomado (também pode ser). Correndo o risco de tornar as noites mais infernais, pode custar, mas, deixar as marmitas e os lanches prontos a levar também torna as manhãs mais práticas e ágeis.

 

Acordar mais cedo para uma manhã com miúdos mais calma
Acordar e ter de estar logo a mil é provavelmente o motivo que faz as manhãs parecerem absolutamente frenéticas e cansativas. Por isso, levantar mais cedo e ter tempo para acordar, comer e beber um café com calma (meditar, fazer exercício e rever as tarefas do dia também é bom), sem mais ninguém à volta, é terapêutico e uma forma de acumular as energias para gerir tudo o que aí vem.

 

Tornar tudo o mais previsível possível
Estabeleçam exatamente as mesmas rotinas todos os dias. Isto vale para de manhã ou para o caos dos finais de tarde. Exemplo: acordar, lavar a cara, comer, (vestir a roupa escolhida no dia seguinte), lavar os dentes, agarrar nas mochilas (já prontas) e sair. A manhã com miúdos, sobretudo quando são muitos, fica muito mais fácil.

 

Casa organizada
Isto é estilo chaves de casa: entrar em casa e deixá-las perto da porta, para na saída encontrá-las logo. Se as coisas estiverem todos os dias nos mesmos sítios tudo acontece mais rápido e menor é o stresse. Os miúdos tornam-se mais autómonos porque também sabem onde está tudo.

 

Relógios
Para que não haja atrasos e procrastinação, tornem os miúdos conscientes do tempo e dos horários. Coloquem relógios em locais visíveis em casa, ofereçam-lhes um relógio, caso tenham já idade. Depois, desafiem-nos. Exemplo: “Às 9h25 temos de estar todos de casaco vestido.” De preferências relógios sem ser no telemóvel!

 

E se falamos em manhã com miúdos, então falamos sobre a melhor forma de gerir o caos do final da tarde.

Comentários (1)

  • […] As manhãs infernais são exatamente como os finais de tarde de caos, só que com a agravante de que há horários para cumprir. Os miúdos têm de estar na escola a horas certas e a maioria dos adultos tem horários de trabalho para não falhar. Eu sei que falar é mais fácil do que fazer (é sempre um trabalho em processo, eu sei), mas quanto mais pensarmos nisto mais a ideia se encaixa. Por isso, vamos a isso. Há três princípios básicos para tornar tudo mais ágil, rápido (e silencioso) na gestão do inicio de mais um dia. Muito resumidamente: … Ver artigo completo no Blog […]

    Responder

Escrever um comentário