Sonhos

“Queres café?”

Se alguém que já tomou mais de três refeiçoes comigo me perguntar se quero café é porque nao gosta de mim. Nao estou a falar de amor, nem de homens. Estou a falar de gostar. Eu acredito que a atençao é a forma mais genuína de gostar. Se alguém compra Nutella (faz bolo de chocolate, encharcada ou morangos com mascarpone..) porque eu vou lá a casa, gosta de mim. E será oportuno neste momento dizer que nao existem frigorífico e armários tao perfeitos como os de um italiano. Se alguém – que pode – me vai buscar ao aeroporto num Fiat 500 mesmo que isso implique deixar o Spider na garagem, gosta de mim. Se alguém me for comprar pato à pequim antes de me visitar, gosta de mim. Se alguém me perguntar se quero café – vou dar o desconto – depois de tomar cinco refeiçoes comigo – com excepçao para o meu sempre-sogro que faz disso piada – é porque nao gosta de mim. Eu acredito – mesmo – que a atençao é a forma mais genuína de gostar.

Comentários (24)

  • UPS!!! Faço isso constantemente com uma das minhas melhores amigas…achas que ela sente o mesmo?!? Mas eu sou mesmo distraída 🙁

    Responder
  • Já tenho saudades de te (vos) ter em minha casa a lanchar/almoçar/jantar. Anda.

    Responder
  • :)))

    Responder
  • Concordo. Não gosto de café. E há pessoas que dizem que são muito minhas amigas e tudo e tudo, mas são capazes de me fazer sempre essa pergunta e mostram-se sempre muito surpreendidas com a resposta. E não estão a brincar. Não gosto.

    Responder
  • Passa-se o mesmo comigo em relação a pastilha elástica, sinto o mesmo…a atenção de quem não pergunta, porque me conhece, porque sabe do que gosto… mas também temos os distraídos… 🙂

    Catarina

    Responder
  • Nem mais!

    Responder
  • Discordo. O meu pai continua a perguntar-me a todas as refeições se quero coisas que eu não gosto e nunca gostei nos meus 30 anos de existência, porque ele é mesmo assim, despassarado, distraído, porque se esquece. E não há pessoa viva no mundo que goste mais de mim que ele.

    Responder
  • sem dúvida!!!!

    Responder
  • acho que para a maioria das pessoas é inconcebível alguém não gostar de café. Eu também não gosto mas a pergunta fazem quase sempre

    Responder
  • Eu nunca almocei contigo por isso posso perguntar, não gostas de café?
    Isso para mim é uma coisa tão difícil de imaginar 🙂
    Beijinho

    Responder
  • Sim, "a atenção é a forma mais genuína de gostar". Perfeito.

    Responder
  • verdade…

    Responder
  • O meu sogro também me pergunta sempre se quero café, sempre! e ele sabe que detesto café! será para me irritar ou esquece-se disso,simplesmente? humm… fico com sérias dúvidas 🙂

    Responder
  • E eu concordo plenamente…é nos pequenos gestos e recordações de pequenos detalhes do outro que se mostra o quanto as pessoas são ou não importantes para nós.

    Responder
  • e eu concordo. a atenção é muito importante… e quando falta de quem mais precisamos, é uma m****…

    Responder
  • A atenção é uma das formas melhores de se mostrar que se gosta de alguém, nada mais certo!

    Responder
  • Ups!

    Sempre que eu te perguntar se queres beber um cafezinho, nota que isso eh uma forma de expressao, nao eh literal 🙂

    Beijo

    Responder
  • Essas distracções irritam-me demais, e de facto caem muito mal…
    Mas alguém que está comigo há 15 anos continua a perguntar-me se quero azeite, coisa que detesto na comida quente!

    Falta de atenção, que dá para responder no tom do meu mau feitio!

    Responder
  • Concordo.
    Eu sou atenta, muito. Lembro-me de tudo o que os meus amigos gostam ou não. Já me disseram que acham incrível eu me lembrar de coisas faladas/passadas à meses, mas pequenos detalhes mesmo.
    E fico muitas vezes sentida, quando não sinto o mesmo da parte deles.

    Responder
  • E entao, é sim ou nao? Eu nao te conheço, mas é só para garantir o direito dos outros leitores a uma segunda oportunidade…

    Responder
  • nem mais… nunca, mas nunca bebo café, não gosto e fico mesmo aborrecida quando se esquecem e ainda me perguntam pela 20ª vez "Não queres cafeé????" falta de atenção…

    Responder
  • Estou tão de acordo que vou "raptar" este post! :))

    Responder
  • […] Passi a vida toda (39 anos para ser mais precisa mas é a minha vida toda antes do momento presente) a afirmar que não gostava de café. A ficar até ofendida se me fizessem a pergunta (exactamente como registei neste post). […]

    Responder
  • […] Passi a vida toda (39 anos para ser mais precisa mas é a minha vida toda antes do momento presente) a afirmar que não gostava de café. A ficar até ofendida se me fizessem a pergunta (exactamente como registei neste post). […]

    Responder

Escrever um comentário