Tendências

Adoro tudo nesta casa! Casas pequenas, quem mais gosta?

casas pequenas

Encontrei este post no Cup of Jo e apaixonei-me. Alison Mazurek vive numa casa de 50 metros quadrados. E não está sozinha. Com ela estão o marido e os dois filhos pequenos, o Theo e a Mae. Mudaram-se há nove anos e apaixonaram-se pelas janelas grandes, tetos altos. É impressionante perceber como se faz tanto e tão bom com tão pouco espaço. As casas pequenas também funcionam, até com famílias grandes.

Eu vivi muitos anos – com o Gonçalo e depois também com o Afonso – numa casa pequena. E adorava aquela sensação permanente de proximidade. Entretanto mudámos para uma casa onde há espaço para todos. Acredito que seja essencial nesta fase das nossas vidas (os adolescentes gostam de privacidade). Mas eu confesso que tenho saudades de uma casa mais pequena.

 

A entrada

 

Casas pequenas não são sinónimo de casas feias, como tão bem se vê aqui.

 

Em casas pequenas, o quarto é partilhado. Este é o dos miúdos.

 

As camas em beliche desdobram-se e entram na parede. Assim criam espaço para os miúdos brincarem e receberem amigos em casa. Por ter um metros de casa limitados, Alison explica que assim que os miúdos deixam de usar os brinquedos, começa à procura de quem os queira. Ela e as amigas fazem trocas para que não seja necessário armazenar tralha. É por isso que nem datas especiais, pedem que não se ofereçam brinquedos e que o façam de forma limitada no Natal por exemplo. A avó pode comprar os que quiser, mas o pacto é que fiquem em casa dela.

 

 

Mas os livros não ficam de fora. E, dado que há pouco espaço de parede, os livros transformam-se na forma principal de arte.

 

 

A cama de casal também se dobra e encaixa na parede. O sofá é grande o suficiente para receber as visitas que têm de pernoitar. Sim, numa casa pequena tudo se consegue. É só preciso saber usar o espaço.

 

 

É uma família adepta do minimalismo e até os livros vêm da biblioteca para que se possam devolver. Todos nesta casa pequena têm um casaco para a chuva, um para o inferno. Não tem necessariamente de ser caro, mas é importante que seja bom para que dure. Só têm um conjunto de lençóis, que lavam sempre durante o dia.

 

Quem mais gosta de casas pequenas?

Já que falamos em casas, aqui fica esta, imaculadamente branca, como também adoro.

Comentários (8)

  • […] Eu vivi muitos anos – com o Gonçalo e depois também com o Afonso – numa casa pequena. E adorava aquela sensação permanente de proximidade. Entretanto mudámos para uma … Ver artigo completo no Blog […]

    Responder
  • Com um menino e uma menina.. como fará daqui a uns aninhos?? Provavelmente muda de casa!!

    Responder
  • Olá Catarina, há vários anos que a acompanho nunca comentei….adoro está casa, Margarida até 4 meses atrás vivia numa casa com 3 quartos, tenho e filhos a Laura tem 12 o João faz 4 feira 9 anos…apesar de ter uma casa com 3 quartos o João sempre dormiu no quarto da irmã…sempre tivemos beliche no quarto da Laura, …agora vivemos numa casinha de bonecas 2 quartos uma casa de banho, sala e cozinha, uma vista maravilhosa para o mar e um terraço enorme…tive de abdicar de muitas coisas, a minha antiga casa tinha um anexo, que era outra casa, o meu sábado era para fazer limpezas na casa, agora não me preocupa os meus filhos dividirem o quarto, sempre o fizeram, sabem respeitar o espaço de cada um, e têm uma cumplicidade…Não me imagino mudar de casa, agora disponho de mais tempo livre, para estar com a minha família, fazer desporto. Beijinhos

    Responder
  • Gosto muito de casas pequenas, especialmente as que dão para andar com elas atrás. Gosto imenso de ver os vídeos do canal Living Big in a Tiny House (YouTube). Vale a pena ver, pelas casinhas e pelas pessoas.

    Responder
  • Por aqui adoramos casas pequenas. Somos 4 (daqui a pouco 5) num T2 cheio de luz e com pouco mobiliário (praticamente todo branco). Tenho duas meninas e em breve um menino.
    Possivelmente mudaremos de casa em 5/ 10 anos mas, para já, adoramos o nosso apartamento pequeno de centro de cidade.
    Não noto qualquer falta de espaço (somos minimalistas e não existem excessos em casa) e estamos mesmo bem assim. A casa mantém-se limpa e organizada muito facilmente. Só sinto falta de um pequeno espaço exterior. Fora isso estou bem feliz numa casa pequena. 🙂

    http://www.vinilepurpurina.com

    Responder
  • A casa é linda sim , mas não deixa espaço para a privacidade e isso perturba-me um bocadinho !!

    Responder
    • Exatamente o que pensei…

      Responder
  • Que charme de casa *_*
    Amei todos os detalhes, cada canto e dá pra notar o amor dela pelo lugar

    Sai da Minha Lente

    Responder

Escrever um comentário