O Meu Diário

Ser Feliz Todos os Dias, os workshops

workshops Ser Feliz Todos os Dias

Há dias, como ontem, em que pego no meu livro e releio aquilo que escrevi. São dias mais difíceis em que regresso aos exercícios que propus. Ser feliz é uma decisão. Mesmo que não seja fácil todos os dias.

Ontem já passou e hoje (como costumam dizer) é o nosso presente.

E sabem que dia é hoje?

Dizem que hoje, 20 de Março, é Dia Internacional da Felicidade porque em 2012 a ONU assim o definiu ao considerar que a felicidade é um objetivo humano fundamental. Na verdade, para os mais racionais, como eu, saiba-se que a felicidade é mesmo um indicador económico (que define a qualidade de um país). Na verdade a sugestão deste dia veio do Butão, um pequeno reino budista localizado nos Himalaias que usa a “Felicidade Nacional Bruta” em vez do Produto Interno Bruto (PIB).

Dizem que todas as pessoas ambicionam ser felizes. Eu concordo mas pergunto: afinal o que é isso de ser feliz? É com essa pergunta que começo o livro Ser Feliz Todos os Dias. E é essa uma das perguntas que quero que cada pessoa que aceite este desafio seja capaz de responder no final. Aqui está o novo workshop de felicidade para pessoas imperfeitas.

 

Primeiras datas para os workshops Ser Feliz Todos os Dias:

1| Aceitar 

6 de Maio Lisboa 10h

12 de Maio Aveiro 10h

7 de Julho, Covilhã 10h

 

Atenção, pelas suas características este será um workshop com inscrições muito limitadas. Apenas com grupos pequenos poderemos trabalhar da forma quer queremos.

Já têm o livro?

 

Comentários (3)

  • […] Dizem que hoje, 20 de Março, é Dia Internacional da Felicidade porque em 2012 a ONU assim o definiu ao considerar que a felicidade é um objetivo humano fundamental. Na verdade, para os mais racionais, como eu, saiba-se que a felicidade é mesmo um indicador … Ver artigo completo no Blog […]

    Responder
  • A obrigatoriedade de ser feliz é o que leio nestes posts…. é algo que julgo ser extremamente pesado, desgastante. Obrigação e felicidade são termos contraditorios e que não conjugam de todo.
    Mas tudo é relativo, até porque no caso em concreto, esta venda de “felicidade” “engarrafada” é um negocio, uma forma de ganhar a vida.

    Para mim basta-me tentar não ser infeliz. Até hoje tenho conseguido, com sucesso.

    Responder
  • […] Aqui ficam as datas dos próximos workshops.  […]

    Responder

Escrever um comentário