o meu diário PubliPost

desta vez a receita deliciosa vem pronta!

ir ao McDonald’s faz parte dos desejos do Afonso – diz que é o “lanchinho” quando saí da escola e se quer ter a certeza que o seu pedido é concretizado. o Gonçalo às vezes almoça lá e, agora que decidiu não comer carne também tem opções. já eu tenho um fascínio pelo McDrive – minha salvação nas sestas longas dos rapazes (a Maria Luíza não faz disso) – por um McSundae de caramelo com batata-frita, isso mesmo e já descobri que não sou a única, e por experimentar coisas novas.

pronto, não acharam que eu não comia McDonald’s pois não?

uma ida ao McDonald’s faz parte do tal equilíbrio de que falava no outro dia, com a vantagem que aqui falamos também de bons nutrientes (para além do açúcar maravilhoso do McSundae). já sabem e eu repito: como de tudo, mas como de tudo sabendo o que é que estou a comer. sei que ingredientes estou a dar ao meu corpo e que nutrientes é que eles contêm. isto, para mim, é consciência alimentar.

e quando me convidaram para experimentar o novo hambúrguer da McDonald’s fui toda contente.

se há coisa que sempre me fascinou na McDonald’s – para além e existir McSundaes e batatas-fritas no mundo inteiro – é a adaptação que é feita em cada país. aquilo de que falei no outro dia, que o equilíbrio na alimentação nação passa apenas pelo nosso corpo mas também pela sustentabilidade ambiental e económica, passa exactamente por isso: consumir o que é local, e a McDonald’s já tem mais de 30 fornecedores nacionais.


a McDonald’s acaba de lançar o Rústico, o novo hambúrguer, desenvolvido só para Portugal, em conjunto com o chef português Manuel Lino, que está atualmente a trabalhar em Barcelona, mas já esteve em restaurantes como o Tabik, no Hotel Bessa, da Avenida da Liberdade. é feito com pão de cereais, carne de vaca [temperada com sal e pimenta], espinafres, queijo Emmental, cebola grelhada e cogumelos. a receita do Rústico by Chef Manuel Lino foi desenvolvida com fornecedores e parceiros nacionais – Vitacress (espinafres), Panike (pão de cereais) e Mendes Gonçalves (molho).

eu provei tudo na 3ª feira e garanto-vos que é absolutamente delicioso, bom mesmo! depois de devorar o meu Rústico fui desafiada a fazer o meu próprio hambúrguer (viram no Instagram?). estava bom! aliás acho que qualquer coisa com aquele pão fica boa.

até perguntei quando começavam a vender só o pão porque teria ido logo comprar vários, mas não estava tão bom como a receita do Chef. Uma última dica: quando forem, provem as novas batatas campestres com casca!

não se esqueçam: ser saudável é ser equilibrado. e ser equilibrado é sermos aquilo que quisermos ser. com saúde e felizes!

Comentários (4)

  • Boa análise boa sugestão 😁 amanhã na minha viagem de regresso a casa pós férias 😎 vou para no MC 😂😍 e seguir a sua sugestão 😊 obrigada

    Responder
  • Estou ansiosa!!!!

    Responder
  • […] uma … Ver artigo completo no Blog […]

    Responder
  • Eu realmente não considero a comida do McDonald’s saudável.
    Entendo o que você quer dizer quando se refere ao equilíbrio, mas as redes de fast food vendem alimentos processados, com altíssimos teores de açúcares e sódio, além de que essa rede é conhecida como uma das que mais impõem sofrimento aos animais nos processos de abate e criação (me refiro aos seus fornecedores).
    Adoro o seu blogue e ler suas postagens me fez desenvolver uma relação bastante interessante com a comida e com o meu corpo.
    Confesso que fiquei triste ao ver esta postagem, fazendo propaganda dessa rede…

    Responder

Deixe um comentário