medo
viver família

sobre a importância de ensinar os miúdos a enfrentarem o medo

eu assumo: sempre fui uma medricas, sempre tive medo de filmes de terror. é assim uma coisa que não se controla: sabemos que aquilo não é a realidade, mas o corpo sente como se fosse. o coração acelera e as pernas começam a querer fugir dali.

mas apesar de não gostar, eu reconheço a importância deste género de filmes [pelo menos de alguns]. e reconheço também que para os miúdos pode ser pedagógico, dependendo da selecção obviamente. têm de ser adequados. acho que enfrentar os medos e resistir ensina-nos a gerir as nossas emoções, a enfrentar os nossos fantasmas, a sermos conscientes de que, no mundo real, está tudo bem. não é, de facto, preciso ter medo.

está a chegar mais uma edição do maior festival de cinema de terror de Lisboa. pode parecer-vos estranho sugerir este programa como atividade para fazer com os miúdos, mas a organização também pensou neles e voltou a planear uma série de atividades giras [são mesmo!], que todas juntas dão origem ao Lobo Mau – estilo a secção do festival para os mais pequenos.

como a própria organização explica:

Muitos autores definem o filme de terror como “contos de fadas para adultos” e a secção Lobo Mau pretende trabalhar esta afinidade do conto infantil com o universo do terror. Para além da exibição de filmes, esta secção compreende igualmente um acompanhamento posterior de trabalho em grupo relacionado com os temas da secção através de workshops criativos, ateliers, peças de teatro, entre outras actividades organizadas em colaboração com outras entidades. Mantém-se a parceria com a Cinemateca Júnior, um local mágico para os jovens espectadores do Festival e este ano, uma das novidades, é a participação do Museu Coleção Berardo, que se junta pela primeira vez à secção Lobo Mau.

o que é que vai haver? exibição de filmes,  um peddy paper pelo cinema São Jorge, um workshop de informática e ainda sessões de curtas metragens, umas pensadas para miúdos a partir dos 6 e outras a partir dos 12. o objetivo de nenhum destes eventos será o de assustador os miúdos. na realidade, o propósito é bastante pedagógico: estimular a criatividade, discutir sobre medos, sobre mundos fantásticos e sobre criaturas mágicas! quase sempre depois da exibição de filmes, os miúdos são convidados a participar em ateliers e conversas!

nota: esta é daquelas atividades que os pais vão gostar mesmo de fazer.

Os eventos Lobo Mau no Motel X

“O Livro da Vida” e uma conversa sobre o medo

No Dia dos Mortos, Manolo, um jovem toureiro dividido entre cumprir as expectativas da família e seguir o seu coração, embarca numa aventura do além onde vai enfrentar os seus maiores medos. Esta é a sinopse do filme de animação “O Livro da Vida”, realizado pelo mexicano Guillermo del Toro, famoso pelos seus filmes de fantasia. Logo depois do filme, o Prof Eduardo Sá convida as crianças para uma conversa, em que vão ser discutidos os medos que cada um sentiu ao longo do filme, bem como a forma como os superaram.

Quando? 8 de setembro, às 10h30
Onde? Teatro Tivoli BBVA
Preço? Público geral, 3€, escolas, 1€.

Peddy Paper no Cinema São Jorge

Esta é das atividades mais giras! O Cinema São Jorge vai transformar-se numa casa assombrada com um percurso que passa pelas salas de projecção, pelo terraço e por outros locais nunca antes vistos pelo público, como os bastidores secretos do cinema. Os jogadores têm de descobrir as pistas para passarem sempre à etapa seguinte. No caminho vão encontrar objetos que emitem sons estranhos e até monstros – daqueles queridos e que não assustam!

Quando? 10 de setembro, entre as 10h30 e o meio dia
Onde? Cinema São Jorge
Idade? + de 6
Preço? Grátis (mas é necessária inscrição prévia – para festival@motelx.org ou 213 545 158)

Workshop de Programação Informática 

A Academia de Código vai dar um workshop de informática e programação aos miúdos, onde lhes vão ser introduzidos os conceitos básicos da linguagem criativa que se esconde atrás dos computadores, telemóveis, ipads e tudo aquilo que eles adoram.

Quando? 10 Setembro, às 10h30 e 12h
Onde? Sala 2, no Cinema São Jorge
Preço? 5€ (inscrição prévia obrigatória para festival@motelx.org ou 213 545 158)

Sustos Curtos (Cinemateca Júnior)

O Motel X é conhecido pela exibição e concurso para eleger a melhor curta de terror. Os miúdos também vão ter direito aos seus mini filmes, sendo que uns são para crianças a partir dos 6 anos e outras para miúdos com mais de 12.

As curtas vêm de todo o mundo e pretendem estimular a imaginação dos mais pequenos com muita fantasia, mundos fantásticos, imaginários e monstros (monstros fofinhos!).

Logo a seguir vão ter um mini atelier inspirado no teatro de sombras, organizado pela Cinemateca Junior.

Quando? 7 a 9 de setembro, às 15h (7 a 9 para +6 anos; 8 para + 12)
Onde? Palácio Foz – Cinemateca Júnior
Preço? 1,1€ até aos 16 anos; 3,20€ par + 16

Lobo Mau no Museu Berardo

Este ano o Lobo Mau associou-se ao Museu Coleção Berardo, onde vai decorrer uma sessão especial para maiores de seis anos, com a exibição do primeiro episódio da série brasileira “Que Monstro te Mordeu”. Antes vai ser exibida mais uma curta metragem seleccionada pela organização do evento, “O Galo Solitário”.

Logo a seguir, há uma atividade organizada pela equipa do museu: vai dar continuidade à ideia do terror nos filmes, procurando monstros, figuras fantasmagóricas e outras personagens que nos fazem ter pesadelos. Mas o que farão estas figuras num museu? A partir de uma selecção das obras da Coleção Berardo, os mais pequenos vão criar as suas próprias personagens para habitarem o Museu.

Quando? 9 de setembro, às 10h30
Onde? Museu Colecção Berardo
Preço? Público geral 3€, sessão escolas 1€

Comentários (1)

Deixe um comentário