o meu diário

saudades da barriga? [calma!]

caramba… eu sabia que este dia ia chegar. eu disse não, nunca, jamais, “detesto estar enorme”, “nunca vou sentir saudades”. mas depois olho para as fotos, lembro-me destes meses de calor vividos com uma barriga enorme e já sem enjoos e tenho saudades. que dias maravilhosos… muitas saudades da barriga.

perguntam-me, às vezes em jeito de desafio, se vou ter mais filhos. não sei. devia dizer não [como diz o meu filho adolescente “já chega”] mas não consigo. a reposta será: estamos a tentar não ter mais mas se acontecer ficamos felizes.

eu nem sabia que ia ter filhos, depois achei que o G. seria filho único, depois jurei que ficaria sozinha para sempre, dois chegavam e já estava provado que a minha história de amor não existia. depois nasceu a miúda e na frase feita mais foleira de sempre, eu precisava dela cá e não sabia. agora acho que o mais sensato é dizer: não sei.

e contra todas as minhas expectativas ficar a olhar para as fotos da minha barriga com muitas saudades.

 

[tenho que agradecer ao Pedro por me ter contrariado o mau feitio “estou tão gorda, estou tão gorda!] e ter registado a gravidez desta forma tão doce…]

Comentários (5)

  • Também passei este verão grávida, enorme! (pronto, eu ainda estou enorme…) e também tenho tantas saudades da minha barriga.
    E também pensei que nunca ir ter filhos mas, quando penso na minha barriga, apetece-me logo ter mais 2 ou 3! ?

    Responder
  • A minha bebé fez ontem 2 semaninhas de vida e eu sinto tantas saudades da minha barriga. Não sei se é da barriga, acho que é mais tê-la na minha barriga, tê-la só para mim. Parece um pouco egoísmo da minha parte, mas é o que sinto, ela agora é do Mundo.
    Sinto um vazio, antigamente era como se andasse sempre acompanhada, sabia que ela estava cá e partilhávamos o mesmo corpo, feito Matriosca.
    E é isso que sinto, saudades da barriga. Enquanto grávida destestava sentir-me gorda e inchada, tentava disfarçar o volume, sentia-me enorme. Assim que ela veio ao Mundo, este sentimento mudou da noite para o dia. Passados 20 minutos do parto, passei a mão na barriga e Um vazio indescritível

    Responder
  • Que máximo! Catarina, como foi quando soube que estava grávida pela primeira vez? Foi ao centro de saúde? Como escolheu o/a obstrecta/ginecologista? Optou por hospital privado ou público? Obrigada por estes posts tão Bonitos!

    Responder
  • As fotos são lindas, parabéns pelo registo tão bonito.
    Eu confesso sem vergonhas, morro de saudades da minha barriga e mal posso esperar por mandar vir outro bebé 😀 ahah
    Beijinho

    Responder
  • Tem umas fotos maravilhosas.
    Eu confesso que não me sentia muito confortável com as fotos durante a gravidez – é que eu estava realmente muito grande (tanto na primeira como na segunda).
    Apesar disso, tenho saudades de estar grávida (e a Maria ainda nem 10 meses completou!).
    Beijinhos

    https://blogdiariodeumafamilianormal.blogspot.pt/

    Responder

Deixe um comentário