o meu diário

quero viver no Real Santa Eulália

 

regresso de uns dias de férias de verdadeiro descanso. o meu conceito de descanso com filhos é este: estacionar o carro e não pensar em mais nada. acordar, tomar um pequeno almoço maravilhoso e ir para a praia ou piscina. tudo a pé, tudo próximo, parque infantil incluído [não aproveitámos porque são dias de mimo 24 horas mas há imensas actividades para os miúdos de acordo com a idade de cada um]. regressar para almoçar e ir para o apartamento [são simples e óptimos, com destaque para a nossa cama gigante onde cabemos os três]. dormir a sesta até serem horas de ir para a praia. e ainda voltar à piscina antes dos banhos. jantar e dormir. isso: dormir, comer, apanhar sol, comer e dormir.

não sei quantas laranjas doces comi durante estes dias. foi a minha sobremesa em todas as refeições. peixe maravilhoso de todas as formas possíveis: em espetada, filetes de peixe galo, anchovas frescas, dourada e robalo. no último jantar comi uns montinhoa de beringela, cebola, tomate e mozarela. e os ovos do pequeno almoço… cozidos a vapor 4 minutos [tenho que conseguir fazer igual em casa].

o buffet para os miúdos está muito bem pensado e facilita as escolhas [desde os menos saudáveis mas inevitáveis cachorros e hamburguers a bifinhos de perú grelhados e imensas saladas coloridas].

isto tudo com cheiro a mar e a calor.

foi perfeito [quase perfeito porque o pequeno A. fez uma birra enorme na viagem de regresso e deixou-me a cabeça feita em m****. mas já passou.]

Comentários (6)

Deixe um comentário